Dia dos namorados: casais que não moram juntos contam como vão driblar isolamento


Fonte: extra.globo.com


Quem disse que não se pode ter um Dia dos Namorados romântico em meio à pandemia do novo coronavírus? Para contornar o distanciamento social, vale de tudo: de jantar romântico online a presentes personalizados. Com criatividade e empenho, pombinhos que não moram sob o mesmo teto contam como se planejaram para festejar a data e evitar que a paixão seja contaminada pelo tão temido esfriamento da relação.


A administradora Andreza Cristine e o estudante Matheus Henrique namoram há apenas seis meses e passarão o primeiro Dia dos Namorados longe um do outro. Ela mora em Campo Grande e, ele, em Jacarepaguá. Para celebrar a data, os pombinhos vão cozinhar, cada um em sua casa, e terão um jantar a dois por meio de videochamada. Os presentes já foram feitos e serão entregues na casa de cada um.


— Eu fiz um “kit festa” com um mapa do céu do dia em que a gente se conheceu em um show beneficente lá no Viaduto de Madureira — conta Andreza.


A mesma estratégia será usada pela produtora audiovisual Bruna, que mora no Alto da Boa Vista. Ela namora há três anos o coordenador de produtos Gustavo, que reside em São Paulo. Os dois estão sem se ver desde o carnaval e hoje também vão comemorar a data com um jantar: cada um cozinhando o mesmo prato para um jantar à luz de velas seguido de um filme.


— O fato de estar separado não quer dizer que a pessoa não te ame ou que a data não seja especial — diz Bruna.


Outra saída que os namorados estão arrumando é juntar as escovas de dente durante a pandemia. Foi o que fizeram o produtor de tecnologia Bernardo Kamnitzer e a empresária Fernanda Pereira, que moram em Botafogo.


— Com a quarentena, decidimos ficar juntos e acabamos ficando no meu apartamento que é um pouco maior que o dela — conta Bernardo: — Esse Dia dos Namorados está sendo o começo de uma nova nova fase para nós.


Tem casal que foi mais radical no desejo de união. A designer de joias Elisa Kalume convenceu o engenheiro mecânico Alain Perez, que estava na Escócia, a voltar para o Rio para que pudessem se encontrar. Alain conseguiu retornar no último sábado, e os dois estão morando juntos.


— Eu encomendei um kit de café da manhã em casa e também um jantar que chegará mais tarde. Nós vamos ter um Dia dos Namorados bem romântico de manhã até a noite — garante Elisa.




Fonte: extra.globo.com

PROBLEMAS NO RELACIONAMENTO?

PROCURE SEMPRE UM ESPECIALISTA DA SAÚDE E BEM-ESTAR DO CASAL


Confira nosso Podcast:



0 visualização